Bolão Imóveis Hotel Náutico Objetiva Imóveis
Pesquisar
...
 
Informações
... Cidade
... Como Chegar
... Esportes
... Turismo
... Galeria de Fotos
 
Endereços
... Clube
... Construtora
... Hotel
... Imobiliária
... Internet
... Cad. de Empresas
 
Notícias
... Destaques
... Esportes
... Geral
... Policial
... Política
... Rápidas
... Turismo
 
Serviços
...Imóveis
...Tábuas das Marés
...Previsão do Tempo
...Previsão das Ondas
...Cadastre-se
...Contato
 
Cidade
:: História do Município

O Governo português queria expandir seus territórios na América e então determinou aos governadores das capitanias que criassem povoações nos mais diversos recantos desde que as condições o permitissem.

O então governador da capitania de São Paulo, Dom Luís Antônio de Souza Botelho Mourão, achou ser de grande conveniência a criação de uma povoação entre as vilas de Paranaguá e a do Rio São Francisco.

Em 5 de dezembro de 1765, Dom Luís enviou um Bando para a formação da nova povoação.

Esse Bando era formado por 200 casais que cultivariam as terras descobertas. Começava a surgir Guaratuba.

Em julho de 1766, o Conde de Oeiras dirigiu-se a Dom Luís louvando, em nome do Rei, os projetos de fundar a povoação na enseada de Guaratuba e comunicando que o Rei gostaria que a nova Vila tivesse o seu nome, S. Luís. E assim foi feito.

Em 1768, os moradores de Guaratuba comunicaram ao governador da Capitania a necessidade de uma igreja onde pudessem receber o Pasto Espiritual.

Dom Luís, em 23 de janeiro de 1770, ordenou ao seu ajudante de ordens, Tenente Coronel Afonso Botelho de Sam Payo e Souza, que erigisse em Vila o sítio chamado Guaratuba, onde já havia bastante casas, etc...

Após algumas expedições, em 27 de abril de 1771, Dom Luís retornou a Guaratuba. No dia 28, foi benta a Igreja. E no dia 29 foi fundada a Vila de São Luíz de Guaratuba.

Os Camaristas dirigiram os destinos do povo guaratubano, até que por conta da Proclamação da República, um outro regime político passou a vigorar.

Em 20 de outubro de 1938, por força do Decreto Lei Estadual n° 7573, foi extinto o município de Guaratuba, passando a ser distrito, com território pertencente ao município de Paranaguá. Somente no dia 10 de outubro de 1947, pela Lei n° 02, é que foi restaurada a autonomia municipal, sendo reinstalado no dia 25 de outubro do mesmo ano. Desta nova fase política, o primeiro prefeito municipal foi o sr. Berilo da Cunha Padilha.

Controvérsias

Alguns historiadores atribuem o começo de Guaratuba ao ano de 1656. Assim sendo, Guaratuba seria um dos mais antigos municípios do Brasil. Sendo um dos cinco fundados sob o regime colonial. Mas essas afirmações não são comprovadas e as provas sobre o início da povoação de Guaratuba datam de 1765. Portanto, não podemos afirmar que Guaratuba tenha sido povoada no regime colonial.

Tragédia de 1968

No dia 22 de setembro de 1968 Guaratuba sentiu a força do Mar que engoliu parte do centro da cidade onde funcionavam a Prefeitura, a Câmara municipal e muitas outras construções que existiam nas quadras que afundaram.

Este fenômeno teve origem nas correntes marítimas que, nas vazantes, fustigavam impetuosamente a área entre o trapiche, o muro de arrimo e a ponta do Pinto.

:: Voltar ::
:: Indique esta notícia para um amigo(a)
:: Envie seus comentários a respeito desta notícia
Veja todas as notícias
| Destaques | Geral | Esportes | Policial | Política | Turismo |
Copyright © 1998 - 2008 Bruc Sistemas para Internet Ltda. Todos os direitos reservados.
Desenvolvido por Bruc Internet
Patrocinadores